Acadêmicos
Ederaldo da Silveira

 

Ederaldo da Silveira
Cadeira: 22
Posição: Fundador

Biografia

  Nascido em Mineração de Içara, no ano de 1962, o acadêmico Ederaldo da Silveira, orgulha-se de ocupar a cadeira de número vinte e dois da Aila – Academia Içarense de Letras e Artes. Estudou em diversas escolas do Municipio: Jardim de Infância Peter Pan (Mineração), Escola Reunida Procópio Lima (Barracão), Escola Básica Professora Maria da Glória e Silva (Mineração) e Colégio Cristo Rei (Centro - Içara). Seus primeiros professores foram: Dona Dorilda de Mattos Stano e Dona Maria da Glória Rosa Colonetti. Estudou também na Escola Técnica da SATC e Colégio Universitário. Trabalhou por 5 anos na extinta RCE TV e posteriormente na RBS TV Criciúma, além de atuar comercialmente em várias emissoras de Rádio e Jornais de Criciúma e Região. Proprietário desde 1996 da primeira Agência de Publicidade de Içara, o publicitário e escritor já publicou vários artigos em jornais e revistas da região. Sócio fundador do "Jornal Agora” e do Jornal “O Povo” ambos de Içara, além de membro/colaborador do Jornal Gazeta em seus primeiros anos de rodagem . Em 2001 lançou a primeira Revista Comemorativa, alusiva ao aniversário dos 40 anos de Emancipação Político-Administrativa do Município de Içara. Dez anos mais tarde, no ano do Cinquentenário, lança a Revista” Içara 50 Anos de História” com tiragem de 5.000 exemplares. O Acadêmico foi membro fundador de algumas entidades do Município como: ACII – Associação Empresarial de Içara e Câmara Júnior de Içara, atuando fortemente junto de toda a Diretoria para a instalação da Unisul, a primeira universidade de nossa cidade, e também da Unidade do Corpo de Bombeiros de Içara. Com a aprovação do então maestro Bonifácio Espíndola Neto, Ederaldo da Silveira foi responsável pelo lançamento do primeiro e único CD da Associação Coral de Içara, onde a pedido do então Prefeito Municipal “Deobaldo Pacheco” – In Memorian, desenvolveu todo o projeto comercial para orquestração do hino da cidade, que até então era cantado somente “ à capela”. No mesmo ano, já orquestrado, o hino içarense que tem em sua letra a autoria do maestro Arlindo Junkes,”in Memorian” obteve na Câmara Municipal, projeto aprovado do então vereador Darlan Carpes, para utilização em todas as escolas do Município. - Diariamente o hino içarense é cantado com notório motivo de orgulho patriótico, por todos os alunos da Rede de Ensino de nossa Cidade. Içara – SC, 21/07/2014

Obras






 


<< Voltar

 
 

AILA - Academia Içarense de Letras e Artes | Todos os direitos Reservados | Içara - SC